Alunos premiados no Simpósio Brasileiro de Recursos Hídricos

05/12/2019 10:33

Autores dos trabalhos do LabHidro

Três alunos do Laboratório de Hidrologia (www.labhidro.ufsc.br) do Departamento de Engenharia Sanitária e Ambiental foram premiados no XXIII Simpósio Brasileiro de Recursos Hídricos em Foz do Iguaçu. O prêmio é dado pela Associação Brasileira de Recursos Hídricos a cada dois anos (https://site.abrhidro.org.br/premiacoes-marcam-o-xxiii-sbrh-em-foz-do-iguacu/).

O doutorando Vinícius Bogo Portal Chagas e a mestranda Paula Cunha David, ambos do Programa de Pós Graduação em Engenharia Ambiental ganharam o Prêmio Jovem Pesquisador 2019 nas categorias doutorado e mestrado com os trabalhos:

Não-estacionariedade é inevitável! Causas das recentes mudanças de vazão no Brasil

Vinícius B. P. Chagas & Pedro Luiz Borges Chaffe (http://www.labhidro.ufsc.br/Artigos/XXIIISBRH/Artigos/XXIIISBRH_Vinicius1.pdf)

Uso de assinaturas hidrológicas para classificação de bacias hidrográficas do Brasil

Paula C. David, Vinícius B. P. Chagas & Pedro Luiz Borges Chaffe (http://www.labhidro.ufsc.br/Artigos/XXIIISBRH/Artigos/XXIIISBRH_Paula1.pdf)

O aluno Gabriel Anzolin do curso de graduação em Engenharia Sanitária e Ambiental da UFSC ganhou o segundo lugar da categoria graduação com o trabalho:

Incerteza na determinação das curvas IDF na bacia do Itajaí

Gabriel Anzolin, Debora Y. de Oliveira & Pedro Luiz Borges Chaffe (http://www.labhidro.ufsc.br/Artigos/XXIIISBRH/Artigos/XXIIISBRH_Gabriel.pdf)

Todos os premiados e a comissão julgadora

Diagnóstico Socioambiental para a Criação de uma Unidade de Conservação no Distrito do Saí

22/11/2019 09:04
Cerca de 50 pessoas participaram, na noite de segunda-feira (18), da audiência pública realizada na Escola Estadual João Alfredo Moreira, na Vila da Glória, em São Francisco do Sul, para a apresentação do “Diagnóstico Socioambiental para a Criação de uma Unidade de Conservação no Distrito do Saí”. Coordenado pelo professor Rodrigo de Almeida Mohedano, do curso Engenharia Sanitária Ambiental da UFSC, o projeto teve início em setembro e terá a duração de um ano, envolvendo cerca de 15 professores e 25 alunos dos cursos de Engenharia Ambiental, Biologia, Ciências Sociais e Antropologia da universidade.
O procurador da República em Joinville, Tiago Gutierrez, esteve presente na reunião e informou que o projeto é resultado do edital publicado em 2013 pelo Ministério Público Federal para aplicação dos recursos, no valor de R$ 556 mil, de compensação pelos danos ambientais causados pelo emborcamento de uma barcaça da Norsul, em janeiro de 2008. A Prefeitura de São Francisco do Sul, por meio da Secretaria de Meio Ambiente, firmou a parceria com a UFSC para a elaboração do estudo.
Além da questão da proteção do meio ambiente na localidade, o secretário de Meio Ambiente, Gabriel Conorath, destacou a importância da criação de uma unidade de conservação pela possibilidade de investimentos dos recursos de compensação ambiental no município. “O Ibama determinou que o empreendimento do TGSC (Terminal Graneleiro Santa Catarina), previsto para ser implantado nas proximidades do nosso porto, destinasse R$ 2 milhões para compensação ambiental. Esse recurso deveria ficar no município, onde a empresa irá se instalar, só que está indo para o Paraná. Se nós tivermos uma unidade de conservação em nosso município, esse recurso pode ficar na cidade e ser investido dentro dessa área, com estruturas para visitação para melhorar a qualificação dos espaços para atrair, inclusive, os turistas para o Distrito do Saí e a Vila da Glória. A intenção é fazer com que essas áreas, que são protegidas, possam também se tornar um ganho econômico para a comunidade, mas de forma planejada, com os estudos que serão elaborados nesse período de um ano em que a equipe da universidade estiver aqui”, disse Conorath.
O professor Rodrigo Mohedano convidou a população a participar das oficinas de educação ambiental e governança que acontecerão no decorrer do ano, também na escola João Alfredo Moreira. O projeto do diagnóstico foi detalhado para a comunidade presente, que pôde tirar algumas dúvidas existentes.
“Não vamos chegar aqui na casa de vocês e dizer o que precisa ser feito. A ideia é construir esse planejamento junto com as pessoas que vivem aqui no Distrito do Saí. Vocês conhecem bem melhor do que nós, por exemplo, as nascentes que temos aqui. E como se trata de uma região muito rica em biodiversidade, um lugar isolado, pode ter até espécies que são desconhecidas. Somente numa manhã, um professor catalogou mais de 100 espécies de pássaros”, disse o professor, destacando que a equipe que trabalhará no Distrito do Saí é formada por especialistas em educação ambiental, fauna, flora, geografia, levantamento fundiário, hidrologia, geologia e antropologia. “Queremos estabelecer um canal para a troca de conhecimento entre a comunidade local e a equipe de estudo, para auxiliar a população com subsídios para a tomada de decisão sobre a criação, ou não, da unidade de conservação”, afirmou.”

Atividades relacionadas ao Programa de Duplo Diploma ENS/UFSC – ENGEES/Strasbourg-França

21/11/2019 09:11

Entre os dias 25 a 27 de novembro de 2019, o ENS receberá a visita do Professor Paul Bois da Ecole Nationale du Génie de l’Eau et de l’Environnement de Strasbourg/França, no âmbito das atividades do Programa de Dupla Diplomação com o curso de Engenharia Sanitária e Ambiental da UFSC.

Dentre as atividades, destacam-se:

– segunda-feira (25/11):

10h – Recepção no Depto ENS

11h15min – Reunião sobre possibilidade de reedição de programa BRAFITEC / Sala de Reuniões do ENS

14h – Reunião sobre interesse em colaboração em pesquisa / Sala de Reuniões do ENS

15h30min – Apresentação sobre o Programa de Duplo Diploma entre ENS/UFSC-ENGEES/França, com a presença do Prof. Paul Bois da ENGEES / Auditório ENS

– terça-feira (26/11):

13h30min – Sessão em língua francesa do TCC de Benjamin Brinkert

14h30min – Sessão pública em língua portuguesa do TCC de Benjamin Brinkert

UFSC Explica – Escassez de Água

18/11/2019 09:05

Atingindo 80% da população mundial, a escassez de água é apontada pelo Banco Mundial como a maior ameaça à humanidade para os próximos anos e implica em muito mais prejuízos além do consumo doméstico.

Assista e entenda:

 

GESAD CONVIDA

13/11/2019 15:24

O GESAD tem o prazer de convidá-los para a 2ª palestra do ciclo “GESAD CONVIDA”, cujo tema será: Banheiro seco como alternativa para universalização do saneamento, com a Profª Dra. Maria Elisa Magri.

Às 14h do dia 19 de novembro, no auditório do ENS.

Esperamos vocês!

Curso de Capacitação gratuito – “Introduction to modeling river flow and morphodynamics with the iRIC interface”

11/11/2019 08:21

Nos dias 4 e 5 de dezembro de 2019, das 09:00 às 17:00, o Grupo de Pesquisa em Desastres Naturais (GPDEN) do IPH/UFRGS irá ofertar um curso de capacitação gratuito intitulado “Introduction to modeling river flow and morphodynamics with the iRIC interface” a ser realizado no Instituto de Pesquisas Hidráulicas da UFRGS, em Porto Alegre-RS.

O curso será ministrado em inglês por parte da equipe do iRIC Project.

Serão oferecidas 20 vagas. As inscrições devem ser feitas, até o dia 08 de novembro, pelo link:

https://forms.gle/5yn8sD14f3HTXYBr6

A lista de selecionados será divulgada até o dia 11/11/2019 no site do GPDEN (www.ufrgs.br/gpden) e por e-mail aos candidatos selecionados.

E-mail para contato: iric.gpden@gmail.com ou +55 (51) 3308-7976

Atenciosamente,

Organizadores:

Maurício A. Paixão (doutorando, PPGRHSA)

Karla Campagnolo (doutoranda, PPGRHSA)

Masato Kobiyama (professor, PPGRHSA)

GESAD no 1° Workshop de Saneamento Básico da ASSAMAE

08/11/2019 15:02

Nos dias 04 e 05 de novembro realizou-se o 1° Workshop de Saneamento Básico da ASSEMAE Santa Catarina, na cidade de Florianópolis. A temática da edição foi “Desafios da Gestão Eficiente e de Resultados”, e com uma programação com diversas atividades, o professor Pablo Heleno Sezerino mediou uma discussão sobre as Soluções descentralizadas de esgotamento sanitário, mostrando questões sobre os diversos modelos de esgotamento descentralizado, os aspectos sobre o controle institucional dos diferentes modelos de esgotamento, além das possibilidades para o aproveitamento de subprodutos, tais como água de reúso e lodo na agricultura.

Palestra com o Prof./Pesq. Bruno Molle – IRSTEA/França

18/10/2019 09:21

Neste dia 18 de outubro o Departamento de Engenharia Sanitária e Ambiental recebe a visita do Prof./Pesquisador Bruno Molle do IRSTEA/França (antigo CEMAGREF).

Aproveitando a ocasião, haverá uma palestra com o Prof. Molle na Sala da PPGEA, às 10:00.

Estão todos convidados.